fbpx
Tempo de leitura: 2 minutos

Frio e feriado prolongado são a combinação – e também a desculpa – perfeita para passar o dia debaixo do edredom vendo Netflix. Mas se você também é daqueles que passa mais tempo tentando escolher um filme bom no catálogo do que realmente assistindo, aqui vai uma ótima indicação, que além de tudo, ainda vai te dar várias dicas sobre empreendedorismo e gestão de negócios.

“The Founder” traduzido no Brasil com o nome de “Fome de Poder” conta a história de uma das maiores franquias mundiais de fast-food, que transformou o mercado e o jeito de se consumir hambúrguer: o McDonald’s.

Para quem não sabe, a marca veio do sobrenome dos irmãos Maurice e Richard, donos do primeiro restaurante de lanches rápidos, que na época, já causou um alvoroço em San Bernardino, na Califórnia.

Mas o grande responsável pela expansão e crescimento da marca, e por tornar o Mc Donald’s tudo o que ele representa no mundo atualmente, foi o empresário Ray Kroc. Um vendedor de máquina de milkshakes que conseguiu enxergar uma grande oportunidade de negócio por trás do pequeno restaurante dos irmãos.

Colocando de lado todos os defeitos de Ray Kroc, que sem dó nem piedade, arrancou o McDonald’s das mãos dos irmãos Maurice e Richard, uma coisa não se pode negar, foi ele o maior responsável por tornar a rede de fast-food nessa marca poderosa e conhecida mundialmente.

Por isso, o filme esconde algumas boas dicas de empreendedorismo, que é bom sempre relembrar e revisitar sempre que há a possibilidade. Quer saber quais são elas? Então pega a caneta e anota aí!

 

1) Acredite no seu produto/negócio:

Ray acreditava naquilo que estava vendendo. Quando assumiu o fardo de cuidar das franquias dos irmãos McDonald’s, fica bem claro que ele era o único que acreditava que aquele negócio poderia prosperar. E foi exatamente o que aconteceu!

 

2) Amplie sua visão de negócio

Os irmãos McDonald’s descobriram uma maneira de driblar a concorrência da época, diminuindo o tempo de preparo de seus lanches, porém, só isso não seria o suficiente para transformar a lanchonete em um grande negócio.

Ray Kroc, por sua vez, enxergou lá na frente. Além de acreditar no potencial daquela empresa, percebeu que havia uma oportunidade de mercado ali, e tomou a decisão de investir naquilo.

 

3) Seja Persistente!

Ray enfrentou bastante dificuldade em alinhar suas sugestões de melhorias com os desejos dos irmãos McDonald’s, que eram sempre muito relutantes com relação as mudanças.

Sua persistência foi o que fez a diferença em todas as tomadas de decisões importantes que precisou fazer para contribuir com o crescimento da sua empresa.

 

4) Identificar um problema e melhorá-lo

Os irmãos Maurice e Richard, quando abriram o restaurante, perceberam que as pessoas ficavam muito tempo esperando para que seus lanches ficassem prontos.

Ao identificar o problema, que era a falta de paciência da maioria dos clientes em esperar entediantemente no carro, os irmãos trouxeram um novo modelo de negócio, diminuindo a espera de 20 minutos para segundos, e fazendo com que as pessoas viessem pessoalmente fazer os pedidos no caixa, criando assim um ambiente mais sociável e familiar. Saindo na frente da concorrência!

 

5) Estar aberto as mudanças

Um dos pontos que fez com que a sociedade entre os irmãos McDonald’s e Ray Kroc não desse certo foi a divergência de opiniões entre ambos. Maurice e Richard eram muito conservadores em suas ideias, e frequentemente entravam em conflito entre si.

O empresário, por sua vez, estava sempre atento as mudanças que poderiam melhorar ainda mais seu negócio, inovar e reduzir custos. O que foi um dos grandes caminhos para seu sucesso!

Agora que você já anotou todas essas dicas, aproveita para assistir ao filme e também ficar admirado com a história do nascimento dessa grande marca que é o McDonald’s. E deixa nos comentários contando o que achou!

Receba novidades por e-mail.